quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010





















Um grande amor nasce, espantaneamente, da sutileza,
da simplicidade, de um olhar tomado de amorosa ternura;
não se deixe enganar pelas armadilhas da paixão;
dura pouco, faz sofrer, o prazer não vale a pena!

( José Vaildir Pereira)

Um comentário:

Nélio Cícero disse...

Esse manuscrito resume com certeza oq ue é PAIXÃO!!! Muito bom, caro amigo!!!